Meu Primeiro Pensamento




Ao amanhecer sou abraçado por uma louca agonia.
O teu rosto na minha mente, na primeira luz do dia.
Você é meu primeiro pensamento, aquele que não atrasa.
Deliciosa lembrança que queima feito doida brasa.

Tenho sede de ti em mim, ando desnorteado, pensativo.
Do teu sorriso impiedoso, desarmado, me tornei cativo.
Até no que endoidecido escrevo para ti, sinto medo.
Que leiam nesses versos nosso romântico segredo.

Que vejam o amor que inspira e beija a minha letra
Que percebam que voa no meu peito uma borboleta
Que chora e sorri com uma saudade enlouquecida
Dos beijos, dos êxtases, que te dei na outra vida.


Raimundo Salgado Freire Junior

Comentários

  1. Autorizo a reprodução, desde que citado o autor e o site.

    ResponderExcluir
  2. Não há palavras que expliquem ou que trasncrevam o que sinto... Um doce segredo, uma ardente saudade...
    Eu me vejo em você... sinto saudades de nós...
    Meu senhor, ainda estão aqui, os sorrisos e os beijos que te pertencem.
    Nesta e nas outras vidas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lágrimas, borboletas e furacões minha senhora!

      Excluir

Postar um comentário