Pastor Que Pregava Segurando Cobras Morre de Mordida de Cascavel


Mack Wolford, um pastor evangélico da Virgínia (EUA) costumava pregar segurando cobras. Ele planejava um megaevento em que, segundo ele, as pessoas manisfestariam o dom de línguas desconhecidas, manipulariam cobras e se divertiriam em um parque.

Só que, um dia após completar 44 anos, Mack foi picado por uma cobra e morreu. Ele foi ferido ao tentar passar uma cobra a uma fiel.

O lider religioso justificava na Bíblia a prática com as cobras - uma forma de demonstrar o poder de sua fé.

[...] E haverá sinais que acompanharão os que creem: em meu nome expulsarão demônios, falarão línguas novas, segurarão serpentes e poderão beber venenos mortíferos sem que eles produzam qualquer dano. Além disso colocarão as mãos sobre doentes e eles ficarão sãos. [...] - Marcos 16:17-18.

O pastor ainda foi socorrido e levado ao hospital em Bluefield, mas não resistiu e faleceu. O mais trágico é que o pai de Mack também faleceu picado por cobras em 1993.



Fonte: O Globo

Comentários

  1. Nome: Osvaldo Garcês Mayer - 1/6/2012

    Ele só esqueceu que é desnecessário tentar a Deus. O que sua pregação ganhava com a presença de uma cobra? A Palavra de Deus é tão maravilhosa que não precisa dessas bobagens sensacionalistas. Sua mensagem redentora é, por si só, suficiente para nos encher de alegria, de nos restaurar, não importa a situação que estejamos. Por isso ela é a Palavra de Deus.
    É uma pena que alguns líderes estejam promovendo espetáculos dessa natureza, o que coloca em xeque a credibilidade do Evangelho. No final, quem é julgado por tais absurdos, é Deus.

    ResponderExcluir
  2. Nome: Hilda de Moraes Borges Abrunhosa - 31/5/2012 - 21:39
    Igrejas evangélicas histórica vem de Martinho Lutero 1517. Igrejas PENTECOSTAIS vem de CHARLES FOX PARNHAM EUA 1898. As historica Ñ TEM BARGANHAS C/ DEUS! Pentecostais a famigerada Teologia da prosperidade. FOX era explorador, rascista foi preso por pedofilia.ESSAS IGREJAS PENTECOSTAIS são SEITAS EXPLORADORA DA FÉ! Um abismo separa as igrejas evangelicas históricas (Luterana Presbiteriana do Brasil) dessas arapucas. BEM FEITO! Espero o fim de macedo/malafai/santiago/crivella/marcospereira e muitos outros. Malafaia pede até o dinheiro do aluguel.
    Pentecostalismo já nasceu errado veja a historia de AiMEE SEMPLE (GOOGLE) uma trambiqueira. No Brasil temos pastores fazendo oração no meiodeporcos, outro no fundo de um poço ambos da IURD VÃO AO YOUTUBE!

    ResponderExcluir
  3. Nome: Sidney Ferreira

    Menos um para enganar os outros.

    ResponderExcluir
  4. Nome: Ronaldo


    É impressionante como em pleno século XX!, ainda existam pessoas tão ignorantes, como este pastor, à cerca das coisas celestiais.

    Uma das chaves do problema, é querer espiritualizar o que não é ou não pode ser espiritualizado.

    Que esta atitude sirva de exemplo para muitos que de forma ignorante e irreponsavel, brincam com Deus e a Sua palavra.

    ResponderExcluir
  5. Nome: Ronnie Schneider


    Ainda bem que no Brasil essas igrejas ficam só no teatrinho, onde todos os participantes são previamente instruídos para desempenhar o seu papel. Assim não há o risco de que alguém se fira.

    ResponderExcluir
  6. O proselitismo (do latim eclesiástico prosélytus, que por sua vez provém do grego προσήλυτος) é o intento, zelo, diligência, empenho ativista de converter uma ou várias pessoas a uma determinada causa, ideia ou religião (proselitismo religioso).

    ResponderExcluir
  7. Estar claro na Biblía: Não tentaras o Senhor teu Deus. Creio eu que ele recebeu um grande castigo, um Pastor é só um Pastor, e DEUS É DEUS.Sou evangelica e tenho meus defeitos, um deles é...kkk, deixa quieto, Deus ta fazendo a obra. Sei que tem vários pastores que precisam muito da misericordia do Senhor, e eu particulamente confio e temo somente a Deus, é nele que deposito a confiança plena. Ah, não entendo pq quando falo c vc, mesmo assim sem nexo, me dá um arrepio,rs...Pois queima Senhor kkk. Tava gatim ontem,rs. Deus lhe conceda maravilhas.

    ResponderExcluir

Postar um comentário